No concelho de Anadia, o lugar de Torres foi identificado e escolhido para ser alvo de um processo de classificação como “Aldeia de Portugal”. Este é um projeto da responsabilidade dos GAL (Grupo de Ação Local) Aveiro Norte e GAL Aveiro Sul e concretizado com apoios comunitários (Medida n.º 10 – LEADER, do PDR 2020).

São “Aldeias de Portugal” aquelas que se situam em zonas classificadas como rurais, arquitetonicamente preservadas, em locais de interesse natural e/ou cultural, onde existam evidências de atividades típicas de ruralidade, sem predomínio de agressões urbanísticas.

Este processo de certificação de Torres como Aldeia de Portugal foi apresentado na nossa aldeia, no passado dia 1 de junho, numa reunião na sede da Associação Recuperar a Aldeia de Torres que contou com a presença do Presidente da Junta de Freguesia de Vilarinho do Bairro, Carlos Neves, em representação da Câmara Municipal de Anadia, um elemento da Associação dos Amigos da Lagoa de Torres, vários elementos da nossa Associação e três senhoras que trabalham diretamente neste projeto de certificação das Aldeias de Portugal, entre elas Carmo Ambrósio, Coordenadora dos GAL Aveiro Norte e GAL Aveiro Sul.

Elementos presentes na reunião do dia 1 de junho, na apresentação do projeto de certificação de Torres como “Aldeia de Portugal”.

Sentimo-nos felizes e muito entusiasmadas pela escolha de Torres para representar o concelho de Anadia neste projeto e ficamos expectantes quanto às perspetivas que se poderão abrir para a nossa aldeia no seguimento desta certificação “Aldeia de Portugal”!

Categorias: Outro

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.